Janeiro – Literatura Infantil

  • Livro: Fábulas de La Fontaine
  • Editora: Estação Liberdade
  • Autor: MARC CHAGALL
  • ISBN: 8574480916
  • Origem: Nacional
  • Ano: 2004
  • Edição: 1
  • Número de páginas: 142
  • Acabamento: Capa Dura
  • Nota Ilustração *****
  • Nota História: ***

Então vamos a minha história com o livro, como estudante de artes plásticas e amante de livros fiquei louca ao saber sobre esse, amo o Chagall, e gosto de fábulas logo o livro foi pra minha lista de desejos que naquela época nem era tão grande. Só que nas livrarias daqui nem ouviram falar ainda e mesmo na internet não era fácil de achar. Comentei com o marido depois que vimos uma exposição do autor no Rio de Janeiro e ele colocou em suas anotações.

No ano passado pelo dia dos namorados ele me disse que tinha encontrado e ia me dar de presente. Só que a encomendas as vezes demoram que é uma maravilha #fail, acabei recebendo meu livrinho bem depois e ele acabou indo para a estante sem prioridade de leitura. Quando vi os temas para o DL/11 foi o primeiro que pensei pra lista #literalmente.

Então começou janeiro e o serviço bora pegar o livro pra ler no caminho.

Eis que as histórias estão todas em formado de poesia. Gente nasci pra ler isso não, sério não consigo visualizar as coisas e perco o sentido das histórias. Alguém que intendi do assunto poderia me dizer se isso é bloqueio, burrice ou falta de prática?

Porque fiquei até desesperada, se não to compreendendo bem a história como é que vou fazer a resenha? Neste quesito para me salvar descobri que o pessoal do desafio pensa em tudo e tem uma proposta de Ficha de Leitura DL 2011 com isso fiquei mais calma e usei as perguntas para ter o que falar aqui na resenha.

No livro além das fábulas os organizadores contaram o serviço hercúleo de reunir as guaches, que deveriam ser 100 mas infelizmente algumas se perderam. É bem interessante ler sobre como foi o processo de encomenda e as criticas pela escolha do pintor, para a obra original. O livro todo é de material muito bom, as ilustrações estão lindas.

Eu achava que já conhecia as fábulas por la Fontaine ser famoso mas na verdade não conhecia, e gostei dessa surpresa. Ainda vou tentar ler novamente o livro em outro momento e talvez em voz alta para ver se melhora minha compreensão dos poemas. Isso realmente foi ruim pra mim no sentido de não compreender tudo, mas foi bom diagnosticar essa deficiência.

 

Anúncios

6 comentários sobre “Janeiro – Literatura Infantil

  1. eu também não sou chegada em poesia, talvez ler em voz alta te ajude.
    dê um tempinho e leia novamente, quem sabe num foi um bloqueio pelas expectativas geradas num livro tão desejado, né?!

    eu sempre tive curiosidade com la foutaine, um dia mato essa curiosidade!
    =]

  2. Oi, Cristina. Não se preocupe, pois o entendimento nem sempre vem quando da primeira leitura. Por isso, não desista de lê-lo mais vezes, pois se surpreenderá ao ver o quanto a intimidade com o texto lhe abrirá os olhos da mente. Mas isso que estou dizendo, não é uma fórmula infalível. Cada leitor descobre o seu jeito particular de se aproximar de uma determinada obra. Quanto as resenhas, também não se preocupe com o rigor acadêmico. No DL, as resenhas devem ser escritas com o olhar do coração. Que bom que gostou da ficha de leitura, tomara que lhe ajude. Pois a intenção é essa mesmo. Emile Faguet, em seu livro a arte de ler, nos fornece dicas para ler poesias. Primeiro, leia em voz baixa para facilitar e abrir a mente para o entendimento do pensamento do autor. Em seguida, leia em voz alta, pois poesia é ritmo. Precisa ser declamada como forma de observar a cadência e harmonia dos versos. Bom, vale a pena experimentar, né?

    Beijocas

  3. Olá,

    Como Vivi bem ressaltou em sua colocação não desista. Tudo é uma questão de prática.
    Com o tempo, você verá que a poesia nos fala fundo ao coração e aí tudo será mais belo. Podes crer!
    Abs e até o próximo desafio.

  4. Olha, é realmente chato querer um livro e não conseguir encontrá-lo. Achei muito interessante o livro, e adorei a resenha.

    E não te preocupa, o entendimento nem sempre é fácil, até para os leitores mais experientes… Poesia não é fácil não.

    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s