Desafio Literário 2012 – Março: Querido e Devotado Dexter

Dados do Livro

Título: Querido e Devotado Dexter
Autor:Jeff Lindsay
Editora: Planeta do Brasil
Dexter's Blood on the Street
Dexter's Blood on the Street (Photo credit: The Bay Harbor Butcher)
Páginas: 272

Avaliação: 3

Creio que este é o meu primeiro livro de serial killer, tirando os vampiros, o personagem não me era desconhecido pois acompanhei a série Dexter em seu principio e com muita atenção até a 4ª temporada.
Ainda quero ver o restante mas não como mesmo entusiasmos do início. O Dexter da série anda muito humano e com os instintos muito embotado.
Quanto aos livros lógico que estão na minha lista desde que soube que a série era baseada neles. Por falta de atenção acabei trazendo o volume 2 sem ter lido o volume 1, achei que por conhecer da história não teria problemas.
Já no primeiro capitulo percebi algumas diferenças como a morte de uma personagem que na série continua viva por muito tempo. Fatos que foram explicados no primeiro livro mas que não chegam a atrapalhar a história do segundo livro.

A narração e toda feita por Dexter e assim percebemos um pouco o que é ser inumano como ele mesmo se denomina. A falta de emoções humanas e realmente algo estranho, em  Dexter isso é compensado pela código de honra que seu pai adotivo Henry ensinou. Segundo este código Dexter deve matar apenas outros assassinos, encontrar provas concretas de seus atos e assim dar vazão a seu instintos nestes que não merecem permanecer soltas no meio da sociedade.
A verdade é que Dexter caça seus iguais e com isso se torna um justiceiro o que nos permiti simpatizar tanto com seu personagem.
Nesse livro em meio aos seus instintos de predador ele se vê sendo vigiado pelo policial Doakes, o que o levou a se afundar no disfarce de ser humana sub urbano que vai a casa da namorada, janta, brinca com as crianças e toma cerveja.
Durante esse período de encenação um novo serial killer aparece na cidade, os federais são enviados para investigar e a irmã de Dexter se envolve com o investigador. Uma vez que este também e capturado Dexter passa a ajudar a irmã a encontrar esse serial killer.
O livro não dá medo, nem é sanguinario demais, os assassinatos do Dexter são descritos de maneira bem superficial. Conhecemos mais os métodos do serial killer visitante do que do próprio Dexter.
A brincadeira de forca ganha uma nova dimensão depois que lemos o livro todo e esta é a única dica que vou dar.

O autor tem uma maneira irônica de escrever que eu gostei. Achei bem divertido os vários apostos que Dexter cria pra si ao longo da narração. E interessante notar também que por ter sua personalidade dividida com o passageiro sombrio ele acaba sempre pensando em si mesmo na terceira pessoa. Ora se refere a Dexter ora se refere ao Passageiro.

 

 

Para ler mais resenhas sobre serial Killers: Desafio Literário Março

Anúncios

Um comentário sobre “Desafio Literário 2012 – Março: Querido e Devotado Dexter

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s